Depilação - Quais os tipos?

11:58 4 Comments A+ a-

Hello amores!

Um dos serviços que nós mulheres mais usamos no verão é a depilação, pratica que aliás, é muitos antiga, desde a rainha Cleópatra.

Hoje em dia, nós brasileiras somos as campeãs em depilações em geral, ainda mais com o nosso clima quente e úmido. A depilação não é mais algo exclusivo para mulheres, muitos homens ao redor do mundo fazem, o que em alguns casos é ótimo né!

Porém, há alguns cuidados que precisamos ter para evitar os pelos encravados por exemplo. Antes da depilação, é importante preparar a pele deixando-a limpa com um sabonete neutro e hidratá-la pelo menos duas vezes diariamente. Dependendo do tipo de esfoliação que fizer, como por exemplo com cera, é importante alguns dias antes do processo fazer uma esfoliação na área que irá ser depilada, use um produto suave para evitar que os pelos encravem, e sejam mais facilmente removidos. Evite fazer isso no mesmo dia da depilação ou os pelos podem ficar mais amolecidos e a região muito sensível.

Se a pele já tiver pelinhos encravados olha eu ai ou foliculite o ideal é não mexer sem a ajuda de um especialista ou dermatologista. Isso pode gerar manchas e cicatrizes. Antes das sessões de fotodepilação, os pelos também não podem ser arrancados pela raiz, apenas com lâmina ou creme depilatório.

Após a depilação a pele normalmente fica irritada ou vermelha, o mais indicado por especialista é aplicar uma bolsa de gelo ou produtos que acalmem a região. Um dos mais indicados é gel de hamamélis, que auxilia no fechamento dos poros, proporciona uma sensação de frescor e hidratação, além de possuir propriedades adstringentes e anti-inflamatórias, e ser bastante econômico.

Cada parte do corpo precisa de um cuidado diferenciado. Nas virilhas e pernas é recomendado não usar roupas (calça jeans por exemplo) e lingeries apertadas pelo menos alguns dias após a depilação. Nas axilas, cremes desodorantes podem irritar a pele. No buço, maquiagens líquidas e produtos ácidos também devem ser evitados. Aplique uma loção refrescante à base de hortelã ou menta para suavizar a pele da região. Lembre-se de usar filtro solar, de preferência livre de óleo e que seja em gel.

Também não utilize pomadas ou cremes gordurosos que possam obstruir os folículos, caso contrário a pele ficará ainda mais irritada e propensa à foliculite. No caso da fotodepilação, ainda é estritamente proibido tomar sol ou podem surgir manchas definitivas na pele. Em todos os casos de pós-depilação, utilize um filtro solar com alto fato de proteção.


Lâmina - A lâmina é o tipo de depilação mais rápida, mais barata para remoção dos pelos e para quem tem pouco pelo. Entre os homens é o método mais popular pela sua praticidade. Os pelos são cortados na superfície da pele, por isso voltam a crescer muito rapidamente, em cerca de 1 ou 2 dias. Em regiões como o rosto ou virilha, pode causar irritações e foliculite, principalmente se não houver uma preparação da pele, se os intervalos entre a depilação forem muito rápidos e se a pessoa tiver pelos mais grossos.

Cera - A cera se divide em duas categorias: fria e quente. Uma propriedade geral da cera quente é dilatar os poros retirar o pelo pela raiz, o que diminui a necessidade de depilação, já que o crescimento leva de 15 a 20 dias.
Cera Fria
A maior diferença para entre ambas as ceras está na sensibilidade de cada usuário. A fria não causa inchaço na pele, mas costuma ser um pouco mais dolorosa, já a quente retira os pelos com mais facilidade, mas causa uma vermelhidão logo após a depilação. O mais importante nesse método é nunca reutilizar cera pelo risco de contaminação da pele. Particularmente prefiro a cera quente.
Cera Quente
Creme depilatório - É um método útil para quem deseja gastar pouco e não sentir dor. Assim como a lâmina, o pelo não é retirado pela raiz e costuma crescer em 4 ou 5 dias, mas é preciso ter uma série de cuidados já que os cremes depilatórios costumam conter químicas prejudiciais à pele se ficarem em contato por muito tempo (faça o teste antes, como mostra na própria embalagem). Cada produto traz o tempo indicado na embalagem, e é essencial não ultrapassar esse período – que vai de 5 a 10 minutos. Outro aspecto importante é escolher cremes específicos para cada área do corpo e do rosto. Uso muito quando tenho pressa.

Linha - A linha é um tipo de depilação (nunca fiz), que apesar de relativamente nova no Brasil (ainda há poucos lugares que faz), já é considerada milenar, com nascimento no Egito. Com 30 cm de uma linha de costura, algodão e soro fisiológico já é possível iniciar a depilação, que funciona como uma pinça arrancando uma quantidade maior de pelos por vez, principalmente na face e sobrancelhas. É um dos tipos de depilação para o rosto mais indicadas pelos dermatologistas.

Laser - O laser é o tipo de depilação duradoura mais conhecido pela sua eficácia em eliminar quase todos os pelos. Cada pessoa precisa de um número ideal de sessões para o seu tipo, e quantidade, de fios, mas o comum são de 5 a 8 sessões. A luz do laser destrói a matriz dos fios, impedindo o seu crescimento. Esse método custa um pouco mais caro do que os outros e costuma ser mais dolorido, no entanto o resultado é garantido para quem não quer mais se preocupar com o excesso de pelos pelo resto da vida.

Fotodepilação - A fotodepilação vem sendo um dos métodos mais procurados e inovador do mercado, sem falar que é o mais recomendado pelos especialistas. A tecnologia torna os fios mais finos e frágeis, reduzindo a sua quantidade quase totalmente. Dentre os seus benefícios está a capacidade de combater a foliculite, clarear manchas e aumentar a produção de colágeno na pele, tornando-a mais firma e viçosa. Preciso dessa!

Possui uma eficácia semelhante ao laser e é considerada menos dolorida por algumas pessoas. A retirada do pelo é feita através de uma luz intensa pulsada, que utiliza uma energia que atua diretamente na sua melanina eliminando-o, depois de alguns dias.

Com um custo menor por sessão, é preciso repetir o procedimento por cerca de 8 a 12 vezes – dependendo de cada pessoa. E pode ser necessário investir em uma sessão extra de manutenção após 6 meses. A fotodepilação é compatível com quase todas as áreas do corpo, exceto mucosas, saco escrotal, ânus (com tanto lugar pra se nascer pelo né!) e olhos. Entre os seus benefícios está a capacidade de combater a foliculite, clarear manchas e aumentar a produção de colágeno na pele, tornando-a mais firma e viçosa.

Agora é so escolher a depilação mais adequada a você, e procurar um profissional de confiança!

Beijokss.

4 comentários

Write comentários
9 de fevereiro de 2017 21:34 delete

Não consigo me libertar das lâminas! Já fiz com cera quente por um tempo, mas dói tanto :( Pretendo fazer a laser e me livrar de uma vez desse pelos indesejáveis hahaha
Amei seu post! Muito informativo e completo, parabéns
bjs
www.miahbi.com.br (vim do BGS)

Reply
avatar
10 de fevereiro de 2017 09:42 delete

Obrigada!!!
Eu tenho alergia da lamina, posso nem olhar pra ela rsrs, e com a cera não sinto dor acredita! Quero fazer a fotodepilação. Bj

Reply
avatar
Karina
AUTHOR
11 de fevereiro de 2017 21:15 delete

Eu não posso fazer depilação a cera, encrava muito meus pelos. Estou pensando a depilação a laser. Eu não sabia da Fotodepilção, vou pesquisar também.
Adorei o post...Beijos.

Reply
avatar
13 de fevereiro de 2017 10:27 delete

Obrigada Karina! Os meus também encavam com a cera, mas como tenho alergia de lamina, vai ela mesmo rsrs. Bjks

Reply
avatar